segunda-feira, 2 de março de 2015

DIRETRIZES PARA CLUBES NO PROGRAMA PILOTO INOVAÇÃO E FLEXIBILIDADE DURANTE 2015-17

A lista das características de clubes inovadores e flexíveis é longa: divertidos, dinâmicos, diversificados, resilientes, tolerantes, interessados em coisas novas, proativos, com enfoque nos associados e em resultados, habilidosos, inspiradores e de bons relacionamentos. Eles apoiam e fortalecem o quadro associativo, dão enfoque e expansão aos serviços humanitários e aumentam a projeção da imagem pública da organização. PROPÓSITO O feedback de várias pesquisas e grupos de análise nos mostrou que a entrada de novos associados e a permanência de rotarianos mais jovens em um Rotary Club estão relacionadas à flexibilidade que ele oferece. O Programa Piloto Inovação e Flexibilidade permite que os clubes determinem o tipo de funcionamento que melhor atenda às necessidades de seus associados e da comunidade. Por meio dele os clubes: • Testam diferentes logísticas e formatos de reuniões. • Aprimoram sua liderança e administração. • Criam qualificações e exigências ao quadro associativo que sejam relevantes e criativas. • Mudam o enfoque para engajamento dos associados em vez de frequência a reuniões. Os clubes podem modificar os Estatutos Prescritos e o Regimento Interno Recomendado para Rotary Clubs em qualquer aspecto, exceto no que diz respeito ao pagamento de cotas ao RI. Esperamos que os resultados apresentados pelos clubes pilotos causem impacto no conteúdo e volume de propostas de emenda ao Conselho de Legislação de 2019.
Interessado? CONSULTE O GOVERNADOR DE GESTÃO A CERCA DO ASSUNTO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário